EXCLUSIVO: Padre Fabrício confirma realização da tradicional Missa com Orações por Cura e Libertação e anuncia data

Um dos sacerdotes mais queridos do interior da Paraíba e idealizador da Missa com Orações por Cura e Libertação, padre Fabrício Timóteo foi o entrevistado desta segunda-feira (22) do programa Conexão. O religioso falou sobre vários temas, tanto no âmbito da fé, como da política, da vida em sociedade e comentou sobre a tradicional Missa que realiza todos os anos.
Reunindo na última edição mais de 50 mil fiéis, a realização da Missa com Orações por Cura e Libertação ainda era uma dúvida para este ano de 2020, em meio a pandemia do novo coronavírus. Padre Fabrício não apenas confirmou a celebração como anunciou sua provável data: dia 26 de outubro.
O sacerdote afirmou que este ano muito provavelmente o evento acontecerá de forma virtual e lembrou que durante 7 segundas-feiras, a paróquia de Taperoá promoverá o Cerco de Jericó, também pela internet. O Cerco é um evento preparatório para a Missa e importante para levar as pessoas com o coração aberto até a celebração.
Pe Fabrício ainda falou sobre política e religião. Segundo ele, não só é correto, como é necessário que tenhamos católicos envolvidos na política, na promoção do bem comum. Sobre a possibilidade do próprio padre entrar na vida política, ele disse que não há por hora nenhuma intenção de sua parte e sequer filiado a partido político estaria. O sacerdote afirmou concordar plenamente com a Igreja e com seu bispo, dom Eraldo, que os padres que querem entrar na vida política devem se afastar de suas funções religiosas.
“O padre deve gerar comunhão em sua comunidade. Deve ser um ponto de ligação e nunca de discórdia entre seus fiéis. O padre, como cidadão, tem todo o direito de votar, de ter suas opiniões, de fazer suas escolhas, mas em sendo sacerdote não pode jamais utilizar a Igreja para pedir votos ou direcionar seu rebanho para qualquer dos lados partidários. Enquanto for padre quero agir assim em todas as paróquias que estiver em missão”, pontuou.
Assista na íntegra a entrevista do padre Fabrício Timóteo:
De Olho no Cariri


FALA PARAÍBA-BORGES NETO

Comentários