Ministério Público da Paraíba investiga suposta negligência que levou a morte de bebê de três meses em Guarabira

 

Um procedimento investigatório criminal acerca de supostas negligências parentais que provocaram a morte de um bebê de três meses foi recebido pela promotoria da 2ª Vara de Guarabira nesta segunda-feira (4), através de Notícia de Fato registrado pelo Ministério Público da Paraíba.

O MPPB determinou no dia 12 de março, data do recebimento da Notícia de Fato, a designação de um servidor da Promotoria de Justiça para secretariar este procedimento, responsabilizando-se pela expedição de notificações, remessa de ofícios, juntada de documentos, além de outros atos inerentes ao ofício. 

O ClickPB tentou contato com a Polícia Civil da cidade, para saber se esse caso chegou a ser registrado em uma delegacia, mas até a publicação desta matéria, nenhuma resposta havia sido dada.

O processo chegou na Justiça por meio de uma denúncia feita ao Ministério Público da Paraíba (MPPB) em março. O caso foi registrado como uma Notícia de Fato, autuada com base em Relatório do Conselho Tutelar, noticiando a morte da criança de três meses de idade, por suposta negligência dos seus genitores.

Dessa forma, um Procedimento Investigatório Criminal (PIC) foi instaurado para investigar a ocorrência dos fatos noticiados. 

CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO

Comentários