Justiça manda candidato Nilvan Ferreira apagar vídeo com ataques a João Azevêdo nas redes sociais


O juiz Rogério Roberto Gonçalves de Abreu, do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), determinou ontem (30) que o candidato a governador Nilvan Ferreira (PL) apague um vídeo publicado nas redes sociais com ataques ao candidato a reeleição o governador João Azevêdo (PSB), sob a pena de multa de R$ 5 mil.

O magistrado atendeu a um pedido feito pela Coligação ‘Juntos pela Paraíba’. O juiz estipulou multa de R$ 5 mil por dia em caso de descumprimento.

No vídeo em questão, Nilvan usa a expressão “governador que desvia dinheiro da saúde” ao se dirigir ao socialista. O candidato do PL têm feito usado as redes sociais para ataques ao governador durante a campanha.

 PB AGORA




FALA PARAÍBA BORGES NETO 

Comentários