Ministério Público instaura investigação criminal para apurar aglomerações em condomínios de Bananeiras

O Ministério Público da Paraíba instaurou procedimento de investigação criminal acerca do descumprimento, por parte de alguns cidadãos, das medidas restritivas decretadas pelo Município de Bananeiras visando o combate à propagação do coronavírus.
A decisão da promotora Ana Maria Pordeus Gadelha considera que o Município de Bananeiras decretou a suspensão de eventos de qualquer natureza com público superior a cinco pessoas, conforme o inciso I, do artigo 1º, do Decreto nº 09, de 4 de maio de 2020.
As informações são de que o responsável por organizar a festa tinha alugado a casa e foi avisado pelo síndico do condomínio que não poderia realizar o evento, mas o fez mesmo sem autorização. Um boletim de ocorrência foi registrado (veja foto abaixo).
VEJA TAMBÉM:
CLICKPB


FALA PARAÍBA-BORGES NETO

Comentários