Prefeitura de Santo André finaliza maior distribuição de palma da história do município e investe mais de 50 mil na ação


 Com o objetivo de contribuir com a vida do homem do campo e fortalecer as formas de convivência com o fenômeno da seca na zona rural de Santo André, a Prefeitura Municipal desenvolveu uma iniciativa pioneira e ousada. Implantou o programa de apoio ao suporte forrageiro e plantio de palma resistente nas comunidades do município e adquiriu com recursos próprios 470 mil raquetes para distribuição junto aos agricultores.

O programa é coordenador pela Secretaria Municipal de Agricultura, na pessoa do secretário Alex Barbosa. Segundo ele, o prefeito Edglei Amorim desde o princípio do projeto não mediu esforços, nem economizou recursos para garantir o sucesso da ideia.

Foram investidos com recursos do Tesouro Municipal cerca de R$ 50 mil em toda o projeto, que não se resume à distribuição da palma, mas contempla ainda todo o apoio no transporte de raquetes adquiridas particularmente pelos produtores rurais do município. “Faço uma estimativa com nossa equipe da Secretaria de Agricultura que apenas este ano, nossos agricultores já plantaram mais de 1 milhão de raquetes de palma resistente a Cochonilha do Carmim”, destacou Alex.

O programa de distribuição da palma beneficiou diretamente 450 famílias de agricultores de Santo André e a finalização da entrega se deu nesta quinta-feira (08), uma vez que devido aos decretos de prevenção à Covid-19, algumas famílias ficaram impossibilitadas de receber nas datas iniciais de distribuição.

Para o prefeito Edglei Amorim, a iniciativa é muito importante e visa garantir uma assistência ao homem do campo, que através da palma pode multiplicar seu plantio e assegurar alimento animal e até humano em suas propriedades. “Nosso olhar será sempre voltado aos que mais precisam e nossos agricultores precisavam de uma prioridade da ação governamental em Santo André”, pontuou o gestor.

Ascom




FALA PARAÍBA-BORGES NETO

Comentários