Criadores de tilápia de Sumé e Amparo formam associação

 

Os criadores de tilápias das cidades de Sumé e Amparo, no Cariri paraibano, formaram a “Associação de Piscicultura do Município de Sumé” para tentar superar as dificuldades na compra de insumos e na venda da produção.

O grupo composto de 28 produtores já vinha discutindo a proposta há alguns meses com a intenção de facilitar a compra de alevinos e ração, e agora, por meio da parceria com a Prefeitura de Sumé, eles são atendidos pela Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Senar, dentro do programa Agronordeste.

O atendimento na região começou há poucos meses e a cadeia produtiva ainda está sendo estruturada. Segundo o técnico do Senar, Kleber Nascimento, a capacidade produtiva estimada por produtor num ciclo de seis meses é de 800 a 1.000 kg.

A associação também pretende avançar e favorecer o beneficiamento do pescado.  A Prefeitura de Sumé tem auxiliado os produtores não somente com assistência técnica e confecção dos tanques/viveiros, mas também com a compra de até metade da produção, através do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

DE OLHO NO CARIRI



FALA PARAÍBA-BORGES NETO

Comentários