Inscrições para Enem 2024 começam na segunda-feira, dia 27


João Gonçalves pede intervenção do Estado na Saúde de Bayeux após compras suspeitas de superfaturamento e do fim do Samu no município

 


O deputado estadual João Gonçalves pediu nesta terça-feira (24) que o Governo do Estado assuma as operações na área da saúde pública do município de Bayeux. Na tribuna da Assembleia Legislativa, João lembrou que o município tem diversas denúncias de corrupção e de suspeitas de compras superfaturadas.


Na avaliação do parlamentar, a cidade que acabou com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) há duas semanas, está sofrendo um apagão administrativo na Secretaria de Saúde e precisa que o Estado intervenha, assim como ocorreu na Prefeitura de Lucena, no período da pandemia com o caso de vacinas vencidas.


“A Secretaria de Saúde pagou quase R$ 20 mil em palitos de fósforo e comprou R$ 11 milhões em material de construção sem haver uma reforma sequer. Enquanto isso, se você for na UPA, está um desmantelo. Os PSFs funcionando em uma mesma casa”, disse. 


“Pagaram mais de R$ 12 milhões em medicamentos e ninguém encontra remédio. Os médicos estão querendo parar porque não receberam seus salários há dois meses. Ou seja, a cidade está um caos. Portanto, fica aqui meu pedido para que o Governo do Estado assuma a Saúde”, concluiu.


FALA PARAÍBA BORGES NETO 

Comentários