Inscrições para Enem 2024 começam na segunda-feira, dia 27


Famup lamenta informação inverídica explica que presidente não recebe salário

 

A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup), rebateu, na tarde desta sexta-feira (18), através de nota, informações de  irregularidade para a eleição da nova direção da entidade e que o atual presidente, prefeito George Coelho, recebe salário o que é proibido. A eleição será realizada na próxima segunda-feira (13).

Segundo a Famup, o processo tem seguido todo o  trâmite da legislação vigente e com e com a transparência que o pleito exige.  A Famup assegura ainda que todas as informações sobre o processo eleitoral e os prazos eram comunicados sistematicamente aos prefeitos e prefeitas pela instituições através de editais e mensagens eletrônicas.

Confira a nota na íntegra

A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) lamenta a divulgação de inverdades sobre o processo eleitoral para a escolha da nova direção da entidade e também a divulgação de notícia inverídica de que o atual presidente George Coelho recebe salário, até porque a nova de Lei de Associações veda esse tipo de ação. Ressalta que todo o processo eleitoral foi pautado pela transparência e que os prefeitos, maiores interessados no processo, foram informados de todo os prazos e editais.

Esclarece que a eleição que será realizada na próxima segunda-feira (13) foi elaborada seguindo todo o trâmite da legislação vigente, primando pela transparência de todo o processo que se iniciou no dia 24 de março de 2023, com o lançamento do edital para todos os prefeitos e prefeitas.

No documento já constava o prazo limite para recebimento dos requerimentos dos interessados a compor a CDPE – Comissão Diretora do Processo Eleitoral, com a consequente publicação da Portaria de nomeação no dia 27 de abril.

No edital também consta o prazo limite para inscrição das chapas (art. 29, I, do RI) que era no dia 22 de julho. Todas as informações sobre o processo eleitoral e os prazos eram comunicados sistematicamente aos prefeitos e prefeitas pela Famup, através de editais e mensagens eletrônicas. Dessa forma, todos os gestores têm conhecimento do processo eleitoral que acontecerá na próxima segunda-feira.

A Famup esclarece ainda que não houve mudanças no estatuto por conta da realização do processo eleitoral. A modificação na resolução da Federação se deu para promover uma adequação com base na Lei 14.341/2022 que regulamenta as associações de municípios. Sendo assim, todas as associações do país tiveram que se adequar a nova resolução.

A Federação prima pela transparência diante dos prefeitos paraibanos e todos os anos reúne a diretoria para prestar contas do exercício e planejar as ações futuras. Todas as decisões e execuções são tomadas de comum acordo com a diretoria.

MaisPB


BLOG DO BRUNO LIRA



FALA PARAÍBA-BORGES NETO

Comentários