CMJP debate Maio Amarelo pela paz no trânsito nesta terça-feira


Prefeito fiscaliza obras do 1º Hospital Veterinário de João Pessoa e destaca avanço na rede de proteção animal

 


O primeiro Hospital Veterinário de João Pessoa está sendo construído no Bairro dos Estados, com obras em ritmo acelerado pela Secretaria de Infraestrutura (Seinfra). Nesta terça-feira (14), o prefeito Cícero Lucena inspecionou o andamento dos trabalhos e disse que o equipamento, somado à Clínica do Pet, ao Centro de Zoonoses e o Castramóvel, forma uma rede de proteção da gestão municipal no cuidado com a causa animal.

“Muito feliz, porque João Pessoa, no seu objetivo de ter uma cidade com qualidade de vida, se preocupa com vários itens que são importantes para atingirmos esse objetivo. Sem dúvida nenhuma o cuidar dos pets é algo que vai melhorar a vida das pessoas também. Então, esse Hospital somado ao Zoonoses, a Clínica do Pet, ao Castramóvel, vamos ter uma cobertura plena na cidade, que já está se tornando uma referência nacional em termos do cuidado com os pets”, disse o prefeito.

Em uma área de 2 mil metros quadrados, homens e máquinas vão dando forma a um sonho da população da Capital, de contar com uma assistência especializada para os pets. Depois de pronta, a estrutura vai contar com seis consultórios, dois postos de enfermagem, dois centros cirúrgicos, sala de raio X, sala de laudos, farmácia, duas salas de recuperação e isolamento, sala de triagem, laboratório, central de gás, rouparia, necrotério e estacionamento.

“A obra está dentro do seu cronograma, a previsão é que a gente termine entre os meses de abril e maio de 2024. A Secretaria de Meio Ambiente já está se mobilizando para providenciar os equipamentos, os instrumentos, toda a parte de mobília interna, para que possa funcionar e iniciar juntamente com a conclusão das obras”, explicou o secretário de Infraestrutura, Rubens Falcão.

O Hospital Veterinário será administrado pela Secretaria de Meio Ambiente (Semam), com um custo operacional estimado em R$ 300 mil por parte da Prefeitura de João Pessoa. A expectativa é de que sejam realizados cerca de mil atendimentos mensais e três mil procedimentos.

Fotos Sérgio Lucena

Secom-JP


FALA PARAÍBA BORGES NETO 

Comentários