MEC divulga nesta terça-feira segunda chamada do Prouni


Polícia Civil cumpre quatro mandados de prisão contra assaltantes em Campina Grande

 

A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) de Campina Grande, cumpriu nessa segunda-feira (30), quatro mandados de prisão em desfavor de um grupo que vinha cometendo crimes patrimoniais na cidade.

As duas primeiras prisões ocorreram no bairro da Palmeira. Os alvos têm 23 e 24 anos de idade. Eles são investigados pelo roubo de uma moto Titan, crime cometido no dia 21 de dezembro de 2023, na Avenida das Nações.

A dupla já havia sido presa no dia 20 de janeiro, na mesma localidade, de posse de um revólver, mas foram liberados na audiência de custódia. A DRF aprofundou as investigações e coletou provas de que os dois assaltantes estavam roubando veículos em Campina Grande.

A Polícia Civil, então, solicitou os mandados de prisão preventiva em desfavor dos investigados, e a justiça expediu as ordens judiciais. Com os mandados em mãos, a DRF prendeu os dois criminosos pela segunda vez, em uma semana.

3ª Prisão

O terceiro preso tem 25 anos de idade foi capturado no bairro do Serrotão. Ele também já tem histórico criminal, sendo condenado a oito anos de prisão pelo roubo de um veículo Corsa em outubro de 2018. Beneficiado com progressão de regime, o investigado descumpriu as regras do benefício, sendo preso pela Polícia Civil.

4ª Prisão

O quarto mandado de prisão cumprido somente pela DRF nessa segunda-feira foi no bairro da Liberdade. O alvo foi condenado a uma pena de seis anos e oito meses pelo roubo (na modalidade ‘arrastão’) cometido a clientes de um salão de beleza, em julho de 2022.

Ele estava no regime semiaberto, mas teve o cumprimento de pena agravado, tendo que voltar a cumprir pena no regime fechado, na penitenciária do Serrotão, em Campina.

19 prisões

Somente neste mês de janeiro, a Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) de Campina Grande realizou 19 prisões efetivas, contra autores de crimes patrimoniais.

PB Agora


FALA PARAÍBA-BORGES NETO

Comentários